RECOMEÇO

RECOMEÇO
CLARA LIBE

Páginas

sábado, janeiro 30, 2010

LINDA MENSAGEM!!

O NÓ DO AMOR

Numa reunião de pais numa escola da periferia, a diretora ressaltava o
apoio que os pais devem dar aos filhos e pedia-lhes que se fizessem
presentes o máximo de tempo possível... Considerava que, embora a
maioria dos pais e mães daquela comunidade trabalhassem fora, deveriam
achar um tempo para se dedicar e entender as crianças.
Mas a diretora ficou muito surpreendida quando um pai se levantou e
explicou, com seu jeito humilde, que ele não tinha tempo de falar com
o filho, nem de vê-lo, durante a semana, porque quando ele saía para
trabalhar era muito cedo e o filho ainda estava dormindo... Quando
voltava do trabalho já era muito tarde e o garoto já não estava
acordado.
Explicou, ainda, que tinha de trabalhar assim para prover o sustento
da família, mas também contou que isso o deixava angustiado por não
ter tempo para o filho e que tentava se redimir indo beijá-lo todas as
noites quando chegava em casa. E, para que o filho soubesse da sua
presença, ele dava um nó na ponta do lençol que o cobria. Isso
acontecia religiosamente todas as noites quando ia beijá-lo. Quando o
filho acordava e via o nó, sabia, através dele, que o pai tinha estado
ali e o havia beijado. O nó era o meio de comunicação entre eles.
A diretora emocionou-se com aquela singela história e ficou surpresa
quando constatou que o filho desse pai era um dos melhores alunos da
escola.
O fato faz-nos refletir sobre as muitas maneiras das pessoas se
fazerem presentes, de se comunicarem com os outros. Aquele pai
encontrou a sua, que era simples mas eficiente. E o mais importante é
que o filho percebia, através do nó afetivo, o que o pai estava lhe
dizendo.
Por vezes, nos importamos tanto com a forma de dizer as coisas e
esquecemos o principal, que é a comunicação através do sentimento.
Simples gestos como um beijo e um nó na ponta do lençol, valiam, para
aquele filho, muito mais do que presentes ou desculpas vazias.
É válido que nos preocupemos com as pessoas, mas é importante que elas
saibam, que elas sintam isso. Para que haja a comunicação é preciso
que as pessoas "ouçam" a Linguagem do nosso coração, pois, em matéria
de afeto, os sentimentos sempre falam mais alto que as palavras.
É por essa razão que um beijo, revestido do mais puro afeto, cura a
dor de cabeça, o arranhão no joelho, o medo do escuro. As pessoas
podem não entender o significado de muitas palavras, mas SABEM
registrar um gesto de amor. Mesmo que esse gesto seja apenas um nó num
lençol...

E VOCÊ JÁ DEU UM NÓ NO LENÇOL HOJE?

ESCOLA

ESCOLA É...

O lugar onde se faz amigos,
Não se trata só de prédios, salas, quadros,
Programas, horários, conceitos...
Escola é, sobretudo, gente,
Gente que trabalha, que estuda,
Que se alegra, se conhece, se estima.
O diretor é gente.
O coordenador é gente, o professor é gente,
O aluno é gente,
Cada funcionário é gente.
E a escola será cada vez melhor
Na medida em que cada um
Se comporte como colega, amigo, irmão.
Nada de “ilha cercada de gente por todos os lados”.
Nada de conviver com as pessoas e depois descobrir
Que não tem amizade a ninguém.
Nada de ser como o tijolo que forma a parede,
Indiferente, frio, só.
Importante na escola não é só estudar,
Não é só trabalhar, é também criar laços de amizade,
É criar ambiente de camaradagem,
É conviver, é se “amarrar nela”!
Ora, é lógico...
Numa escola assim vai ser fácil
Estudar, trabalhar, crescer,
Fazer amigos educar-se,
Ser feliz!!

2010 - PRESERVE OS SERES VIVOS !!








Vamos mostrar aos nossos alunos como estamos cercados de coisas belas e trabalhar com eles a importância da preservação e conservação do nosso ambiente, pois é muito triste, acompanharmos pela tv ,net , o que vem acontecendo com o nosso planeta , catástrofes e mais catástrofes ... Então deixo aqui sempre algumas dicas de como trabalhar com nossos alunos , com coisas simples como é o caso desses painéis todos montados com círculos coloridos.
VAMOS MOSTRAR AOS NOSSOS ALUNOS UM MUNDO MAIS COLORIDO , PELO MENOS EM NOSSA SALA DE AULA , PARA QUE QUEM SAIBA FUTURAMENTE ELE POSSA BRECAR ALGUMAS ATITUDES. QUE PODEM SER CADA VEZ MAIS DEVASTADORA PARA AS ESPÉCIES VIVAS EXISTENTES NESSE NOSSO PLANETA , INCLUSIVE A DOS HUMANOS!!!!!
UM FORTE ABRAÇO EM TODOS DE CLARA LIBE


FONTE , DE ONDE RETIREI OS PAINÉIS :http://picasaweb.google.com/silgallo.gallo ( PEB1)

2010 - ANO INTERNACIONAL DA BIODIVERSIDADE!!








2010 - ANO INTERNACIONAL DA BIODIVERSIDADE!!


2010 é o ano de todas as expectativas. Será o momento de avaliar o desempenho no progresso na redução da taxa de perda de biodiversidade a nível global (tal como acordado na Cimeira Mundial sobre o Desenvolvimento Sustentável, Joanesburgo, 2002), de se concluírem as negociações do regime internacional em recursos genéticos, e do estabelecimento de uma nova Visão e da concepção de um Plano Estratégico renovado para a Convenção sobre a Diversidade Biológica.


A Estratégia de Implementação enquadra as atividades de comemoração e celebração do ano escolhido pela Assembleia-geral das Nações Unidas como Ano Internacional da Biodiversidade. Através delas pretende-se realçar a importância vital que a biodiversidade tem para o bem-estar humano e para a sua sobrevivência.

Em 2010 foi declarado pelas Organização das Nações Unidas (ONU) o Ano Internacional da Biodiversidade (AIB) A temática é “A biodiversidade é a vida. A biodiversidade é a nossa vida” .

O lançamento oficial realizará-se em 11 de Janeiro em Berlim.


"O mundo ainda está pouco familiarizado com o papel vital que a biodiversidade desempenha no bem-estar humano e na manutenção do planeta. Um dos objetivos da celebração é contribuir de forma abrangente no combate às causas da erosão e perda de biodiversidade por falta de desenvolvimento sustentável. A ONU alerta que esses problemas são centrais na definição para uma nova abordagem de conservação"

Vários países do mundo celebram com múltiplas iniciativas este ano como o Brasil, Uruguai, Colômbia, Panamá, Estados Unidos, Canadá, Espanha, França, Alemanha, Itália, Noruega, Eslovénia, Namíbia, Gabão, Quénia, Costa do Marfim, Egipto, África do Sul, Japão, China, India, Qatar, Cambodja, Malásia, Nova Zelândia.

Vários eventos vão marcar o calendário em 2010 neste âmbito:

Em 6 e 7 de Janeiro, em Curitiba, Brasil, o 2º "Curitiba Meeting on Cities and Biodiversity"
Em 11 de Janeiro, em Berlim, lançamento oficial do Ano Internacional da Biodiversidade
Em 21 e 22 de Janeiro em Paris realizar-se-ão palestras com especialistas e representantes de agências da ONU, e a abertura de uma exposição "UNESCO Biodiversity Exhibition"
De 25 a 29 de Janeiro, em Paris, realizar-se-á a "UNESCO Scientific Conference"
De 1 a 5 de Fevereiro, em Trondheim (Noruega) a 6ª "Trondheim Conference on Biodiversity"
Em 22 de Maio, em vários pontos do globo, celebra-se o Dia Internacional da Biodiversidade
Em 20 Setembro, em Nova Iorque, terá lugar a Assembleia Geral das Nações Unidas tendo por tema a Biodiversidade.
De 11 a 15 de Outubro, em Aichi-Nagoya (Japão), a ANIEC 2010 sobre a temática da Biodiversidadede

De 11 a 12 de Dezembro, em Kanzawa (Japão) encerramento do "Ano Internacional da Biodiversidade" e lançamento do "Ano Internacional das Florestas - 2011"
Em Portugal será criado brevemente uma Comissão para o Ano Internacional da Biodiversidade, presidida pelo Instituto de Conservação da Natureza e da Biodiversidade (ICNB)..

FONTE : http://pedestrianismo.blogspot.com/ e http://portal.icnb.pt/ICNPortal/vPT2007/Homepage.htm

sexta-feira, janeiro 29, 2010

PLANEJAMENTO PARA O JARDIM 3 ( 5 ANOS)

PLANEJAMENTO ANUAL PARA 5 ANOS- JARDIM II

ÁREA: MATEMÁTICA

OBJETIVOS:

1- RECONHECER E VALORIZAR OS NÚMEROS, AS OPERAÇÕES NUMÉRICAS, AS CONTAGENS ORAIS E AS NOÇÕES ESPACIAIS COMO FERRAMENTAS NECESSÁRIAS NO SEU COTIDIANO;2- COMUNICAR IDÉIAS MATEMÁTICAS, HIPÓTESES, PROCESSOS UTILIZADOS E RESULTADOS ENCONTRADOS EM SITUAÇÕES-PROBLEMA RELATIVAS A QUANTIDADE, ESPAÇO FISÍCO E MEDIDA, UTILIZANDO A LINGUAGEM ORAL E A LINGUAGEM MATEMÁTICA;3- COMPARAR GRANDEZAS, EXPLORANDO DIFERENTES PROCEDIMENTOS;4- NOÇÕES DE POSIÇÃO;5- EXPLORAR FORMAS GEOMÉTRICAS, COM SÓLIDOS, EM SUCATAS E NO AMBIENTE, NOMEANDO CORRETAMENTE AS FORMAS GEOMÉTRICAS;6- REPRODUZIR FORMAS GEOMÉTRICAS;7- PERCEBER A IMPORTÂNCIA DOS NÚMEROS NO NOSSO DIA A DIA;8- DESENVOLVER O RACIOCÍNIO LÓGICO;9- EVIDENCIAR A NOÇÃO DE QUANTIDADE, APROVEITANDO SUAS EXPERIÊNCIAS;10- COMPREENDER E EXECUTAR DIVERSAS ATIVIDADES RELACIONADAS A QUANTIDADE E SEU RESPECTIVO NUMERAL;11- ENUMERAR E AGRUPAR QUANTIDADES DE DIFERENTES MANEIRAS;12- CONDUZIR ÁS CRIANÇAS Á COMPREENSÃO DE SEQUÊNCIA.

CONTEÚDOS:

(EXPLORAÇÃO ORAL E VISUAL)NÚMEROS E SITEMA DE NUMERAÇÃO:-CONTAGEM;-CÁLCULO MENTAL; OPERAÇÕES (NOÇÕES); (SITUAÇÕES PROBLEMA)-QUANTIDADES (LING. ORAL E REGISTROS)-SUCESSOR E ANTECESSOR (NOÇÕES)-NÚMEROS (EM DIFERENTES CONTEXTOS);-ESCRITA NUMÉRICA; NOTAÇÃO;-SERIAÇÃO.GRANDEZAS E MEDIDAS:-DIFERENTES PROCEDIMENTOS PARA COMPARAR GRANDEZAS.-INTRODUÇÃO: ÁS NOÇÕES DE MEDIDAS DE COMPRIMENTO, PESO,VOLUME, TEMPO, ISTO É, PELA UTILIZAÇÃO DE UNIDADES CONVENCIONAIS E NÃO CONVENCIONAIS;-MARCAÇÃO DO TEMPO – CALENDÁRIOS-CLASSIFICAÇÃO.ESPAÇO E FORMA:-POSIÇÃO – PONTOS DE REFERÊNCIA PARA SITUAR-SE E DESLOCAR-SE;-FORMAS, CONTORNOS, BIDIMENSIONALIDADES, TRIDIMENSIONALIDADES, FACES PLANAS, LADOS RETOS;NOÇÕES DE SÍMBOLOS MATEMÁTICOS;BRINCADEIRAS E JOGOS MATEMÁTICOS;

ÁREA: LINGUAGEM CORPORAL

OBJETIVOS:

1- CONHECER O CORPO AFIM DE COMPREENDER SUAS POTENCIALIDADES E LIMITES;2-ENTENDER O CORPO COMO UM MEIO DE COMUNICAÇÃO PARA QUE SEJA CAPAZ DE EXPRESSAR-SE;3-EQUILIBRAR-SE EM DIFERENTES SITUAÇÕES DE FORMA COORDENADA AFIM DE MELHORAR SEU DESEMPENHO;4- DESENVOLVER AS HABILIDADES QUE REQUEIRAM O USO DE FORÇA, VELOCIDADE, FLEXIBILIDADE E CONTROLE MUSCULAR, PARA DOMINAR MELHOR SUAS POTENCIALIDADES;5- UTILIZAÇÃO EXPRESSIVA INTENCIONAL DO MOVIMENTO NAS SITUAÇÕES COTIDIANAS E EM SUAS BRINCADEIRAS;6- PERCEPÇÃO DE ESTRUTURAS RÍTMICAS PARA EXPRESSAR-SE CORPORALMENTE POR MEIO DA DANÇA, BRINCADEIRAS E DE OUTROS MOVIMENTOS.

CONTEÚDOS:

1- EXPRESSÃO CORPORAL;2- ESQUEMA CORPORAL (RECONHECIMENTO DO CORPO)3- DANÇA4- JOGOS SIMBÓLICOS5- EQUILÍBRIO E COORDENAÇÃO;6- FORÇA, VELOCIDADE, LATERALIDADE, RESISTÊNCIA, FLEXIBILIDADE E CONTROLE-MUSCULAR.


ÁREA: LINGUAGEM MUSICAL

OBJETIVOS:

1- EXPLORAR, PRODUZIR, REPRODUZIR, COMPARAR E DISCRIMINAR OS SONS, PARA ASSIM, PODER IDENTIFICÁ-LOS;2- VIVENCIAR A DIVERSIDADE DOS SONS, AFIM DE PERCEBER SEUS RITMOS E PAUSAS;3- DESPERTAR A APRECIAÇÃO ESTÉTICA E ARTÍSTICA DA MÚSICA.

CONTEÚDOS:

1- SONS VOCAIS, CORPORAIS, AMBIENTAIS E INSTRUMENTAIS;2- DIREÇÃO DOS SONS;3- CONTATOS COM DIFERENTES OBRAS MUSICAIS: INFANTIS, POPULAR, SERTANEJA, CLÁSSICA, ETC...4- ALTURA (GRAVE/AGUDO); DURAÇÃO (CURTO/LONGO);5- INTENSIDADE (FRACO/FORTE);6- PULSAÇÃO E RITMOS;7- REPERTÓRIO DE CANÇÕES PARA DESENVOLVER MEMÓRIA MUSICAL.


ÁREA: IDENTIDADE E AUTONOMIA

OBJETIVOS:

1- TER UMA IMAGEM POSITIVA DE SI AMPLIANDO SUA AUTO-CONFIANÇA, IDENTIFICANDO CADA VEZ MAIS SUAS LIMITAÇÕES E POSSIBILIDADES, E AGINDO DE ACORDO COM ELAS;2- IDENTIFICAR E ENFRENTAR SITUAÇÕES DE CONFLITO, UTILIZANDO SEUS RECURSOS PESSOAIS (DE ACORDO COM SUA FAIXA ETÁRIA) RESPEITANDO AS OUTRAS CRIANÇAS E ADULTOS E EXIGINDO RECIPROCIDADE;3- VALORIZAR AÇÕES DE COOPERAÇÃO E SOLIDARIEDADE, DESENVOLVENDO ATITUDES DE AJUDA E COLABORAÇÃO E COMPARTILHANDO SUAS VIVÊNCIAS;4- ADOTAR HÁBITOS DE AUTOCUIDADO, VALORIZANDO AS ATITUDES RELACIONADAS COM A HIGIENE, ALIMENTAÇÃO, CONFORTO, SEGURANÇA, PROTEÇÃO DO CORPO E CUIDADOS COM A APARÊNCIA.5- IDENTIFICAR E COMPREENDER A IMPORTÂNCIA DOS DIVERSOS GRUPOS DOS QUAIS PARTICIPAM, RESPEITANDO REGRAS BÁSICAS DE CONVÍVIO SOCIAL.
CONTEÚDOS:

1- EXPRESSAR E COMUNICAR SEUS DESEJOS, DESAGRADOS, NECESSIDADES, PREFERÊNCIAS, VONTADES EM BRINCADEIRAS E NAS ATIVIDADES COTIDIANAS;2- RECONHECIMENTO PROGRESSIVO DO PRÓPRIO CORPO E DAS DIFERENTES SENSAÇÕES DO MESMO;3- REALIZAR PEQUENAS AÇÕES COTIDIANAS NO SEU ALCANCE PARA QUE ADQUIRA MAIOR INDEPENDÊNCIA;4- IDENTIFICAR SITUAÇÕES DE RISCO NO SEU AMBIENTE MAIS PRÓXIMO (PREVENÇÃO DE ACIDENTES);5- AUXÍLIO NA ESCOLHA DE BRINQUEDOS, OBJETOS E ESPAÇOS PARA BRINCAR;6- PARTICIPAR DE SITUAÇÕES QUE ENVOLVEM A RELAÇÃO COM O OUTRO;7- TER INICIATIVA PARA RESOLVER PEQUENOS PROBLEMAS DO COTIDIANO, PEDINDO AJUDA SE NECESSÁRIO;8- PARTICIPAÇÃO DE MENINOS E MENINAS IGUALMENTE EM BRINCADEIRAS DE FUTEBOL, CASINHA, PULAR CORDA, ETC...9- VALORIZAR O DIÁLOGO COMO FORMA DE LIDAR COM OS CONFLITOS;10- PARTICIPAR DA REALIZAÇÃO DE PEQUENAS TAREFAS DE COTIDIANO QUE ENVOLVAM AÇÕES DE COOPERAÇÃO, SOLIDARIEDADE E AJUDA NA RELAÇÃO COM OS OUTROS;11- TRABALHAR O RESPEITO ÁS CARACTERÍSTICAS PESSOAIS RELACIONADAS AO GÊNERO, ETNIA, PESO, ESTATURA, ETC...12- VALORIZAÇÃO DA LIMPEZA E APARÊNCIA PESSOAL, (AUTO-CUIDADO);13- RESPEITAR E VALORIZAR SEU GRUPO DE ORIGEM (FAMÍLIA);14- CONHECER, RESPEITAR E UTILIZAR ALGUMAS REGRAS ELEMENTARES DE CONVÍVIO SOCIAL;15- VALORIZAR OS CUIDADOS COM OS MATERIAIS DE USO INDIVIDUAL E COLETIVO;16- TRABALHAR PROCEDIMENTOS RELACIONADOS Á ALIMENTAÇÃO, HIGIENE DAS MÃOS, CUIDADO E LIMPEZA PESSSOAL DAS VÁRIAS PARTES DO CORPO;17- UTILIZAR ADEQUADAMENTE OS SANITÁRIOS.



ÁREA: LINGUAGEM ORAL E ESCRITA

CONTEÚDOS:

1- NOME PRÓPRIO (HISTÓRIA DO NOME, LETRAS QUE FORMAM O NOME)2- EXPRESSÃO, INTERPRETAÇÃO E RELATO DE VIVÊNCIAS;3- DESCRIÇÃO DE CENAS, OBJETOS E SERES VIVOS (ANIMAIS, VEGETAIS E SER HUMANO) ORAL E ESCRITA;4- TUDO PODE SER ESCRITO E LIDO:(SÍMBOLOS, RÓTULOS, EMBALAGENS, MARCAS,LOGOTIPOS,NOMES DE OBJETOS, PESSOAS, ANIMAIS, VEGETAIS, LUGARES, PERSONAGENS, TÍTULOS DE LIVROS OU HISTÓRIAS);5- JOGOS VERBAIS: MODALIDADES DE LINGUAGEM:-TRAVA-LÍNGUAS-ADIVINHAS-PARLENDAS-QUADRINHAS-POEMAS-CANÇÕES6-JOGOS PEDAGÓGICOS:-JOGOS PARA A ESCRITA-JOGOS PARA A LEITURA7-TEXTOS E PORTADORES DE TEXTOS:-PRODUÇÃO E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS;-CONHECIMENTO DE DIFERENTES GÊNEROS: CONTOS, POEMAS, NOTÍCIAS DE JORNAL, INFORMATIVO, NARRATIVO, DESCRITIVO, BULAS, RECEITAS, ETC...

OBJETIVOS:

1- A CONSTRUÇÃO DA ESCRITA DO NOME, TEM COMO OBJETIVO FAZER COM QUE A CRIANÇA SE RECONHEÇA COMO UM SUJEITO IMPORTANTE QUE POSSUI UM NOME QUE É SÓ SEU, ALÉM DE PROPICIAR A APRENDIZAGEM DA ESCRITA;2- RECONHECER SEU NOME ESCRITO, SABENDO IDENTIFICÁ-LO NAS DIVERSAS SITUAÇÕES DO COTIDIANO;3- AMPLIAR GRADATIVAMENTE SUAS POSSIBILIDADES DE COMUNICAÇÃO E EXPRESSSÃO, INTERESSANDO-SE POR CONHECER VÁRIOS GÊNEROS ORAIS EESCRITOS E PARTICIPANDO DE DIVERSAS SITUAÇÕES DE INTERCÂMBIO SOCIAL NAS QUAIS POSSA CONTAR SUAS VIVÊNCIAS, OUVIR AS DE OUTRAS PESSOAS, ELABORAR E RESPONDER PERGUNTAS;4- FAMILIARIZAR-SE COM A ESCRITA POR MEIO DO MANUSEIO DE LIVROS, REVISTAS, RÓTULOS E OUTROS PORTADORES DE TEXTOS E DA VIVÊNCIA DE DIVERSAS SITUAÇÕES NAS QUAIS SEU USO SE FAÇA NECESSÁRIO;5- PARTICIPAR DE JOGOS VERVAIS E PEDAGÓGICOS AFIM DE INTERESSAR-SE POR ESCREVER PALAVRAS E TEXTOS AINDA QUE NÃO DE FORMA CONVENCIONAL;6- USAR A LINGUAGEM ORAL PARA CONVERSAR, BRINCAR, COMUNICAR E EXPRESSAR DESEJOS, NECESSIDADES, OPINIÕES, IDÉIAS, PREFERÊNCIAS E SENTIMENTOS E RELATAR SUAS VIVÊNCIAS NAS DIVERSAS SITUAÇÕES DE INTERAÇÃO PRESENTES NO COTIDIANO.


ÁREA: ARTES VISUAIS

CONTEÚDOS:

1- EXPLORAÇÃO E MANIPULAÇÃO DE DIFERENTES MATERIAIS E VARIADOS SUPORTES PARA O DESENHO E A PINTURA;2- EXPLORAÇÃO E RECONHECIMENTO DE DIFERENTES MOVIMENTOS GESTUAIS, VISANDO A PRODUÇÃO DE MARCAS, GRAFIAS;3- CONHECIMENTO DA DIVERSIDADE DE PRODUÇÕES ARTÍSTICAS: DESENHOS, PINTURAS, ESCULTURAS, CONSTRUÇÕES, FOTOGRAFIAS, COLAGENS, ILUSTRAÇÕES, CINEMA, ETC...;4- EXPRESSÃO PLÁSTICA ATRAVÉS DE DIFERENTES TÉCNICAS: DESENHO, PINTURA, MODELAGEM EM AREIA, MASSA E ARGILA, CONSTRUÇÃO COM SUCATAS, RECORTE, COLAGEM, DOBRADURA E GRAVURA;5- CONHECIMENTO DE ALGUNS DOS ELEMENTOS CONSTITUINTES DA LINGUAGEM VISUAL: LINHA, FORMA, COR, TEXTURA;6- APRECIAÇÃO DE OBRAS DE ARTE;7- VALORIZAÇÃO DAS INFORMAÇÕES DE PRODUÇÕES ARTÍSTICAS, A PARTIR DE PROJETOS QUE SERÃO REALIZADOS NO DECORRER DO ANO LETIVO.

OBJETIVOS:

1- AMPLIAR O CONHECIMENTO DE MUNDO QUE POSSUEM, MANIPULANDO DIFERENTES OBJETOS E MATERIAIS, EXPLORANDO SUAS CARACTERÍSTICAS, PROPRIEDADES E POSSIBILIDADES DE MANUSEIO E ENTRANDO EM CONTATO COM FORMAS DIVERSAS DE EXPRESSÃO ARTÍSTICA;2- UTILIZAR DIVERSOS MATERIAIS GRÁFICOS E PLÁSTICOS SOBRE DIFERENTES SUPERFÍCIES PARA AMPLIAR SUAS POSIBILIDADES DE EXPRESSÃO E COMUNICAÇÃO;3- PRODUZIR TRABALHOS DE ARTE, ATRAVÉS DA LINGUAGEM DO DESENHO, DA PINTURA, DA MODELAGEM, DA COLAGEM, DA CONSTRUÇÃO, UTILIZANDO OS ELEMENTOS CONSTITUINTES DESSAS LINGUAGENS: LINHA, FORMA, COR, TEXTURA;4- DESENVOLVER O GOSTO, O CUIDADO E O RESPEITO PELO PROCESSO DE PRODUÇÃO E CRIAÇÃO, INTERESSANDO-SE PELAS PRÓPRIAS PRODUÇÕES, PELAS DE OUTRAS CRIANÇAS E PELAS DIVERSAS OBRAS ARTÍSTICAS COM AS QUAIS ENTREM EM CONTATO, AMPLIANDO SEU CONHECIMENTO DO MUNDO E DA CULTURA;5- O TRABALHO COM PROJETO NO ENSINO DE ARTES VISUAIS POSSIBILITARÁ AMPLIARNÃO SÓ AS FORMAS DE EXPRESSÃO COMO TAMBÉM O UNIVERSO CRIATIVO E O IMAGINÁRIO DAS CRIANÇAS, O QUE REFLETIRÁ COM CERTEZA NAS OUTRAS ÁREAS.


ÁREA: NATUREZA E SOCIEDADE

CONTEÚDOS:

1- IDENTIDADE E AUTONOMIA- JOGO DRAMÁTICO- VALORES2- GRUPOS SOCIAIS E SEU MODO DE SER, VIVER E TRABALHAR.3- LUGARES E PAISAGENS (LOCAL, NATURAL E MODIFICADA)4- MEIO AMBIENTE5- SERES VIVOS (HOMEM, ANIMAIS E VEGETAIS)6- FENÔMENOS DA NATUREZA7- OBJETOS E PROCESSOS DE TRANSFORMAÇÃO8- DATAS COMEMORATIVAS.

OBJETIVOS:

- RECONHECER-SE COMO UM SUJEITO IMPORTANTE QUE POSSUI SUAS CARACTERÍSTICAS PRÓPRIAS E ÚNICAS, RESPEITANDO A SI PRÓPRIO E AO OUTRO.- PARTICIPAR DE JOGOS DRAMÁTICOS EXPERIMENTANDO DIFERENTES PAPÉIS, CONSEGUINDO INTERAGIR CADA VEZ MAIS COM ELEMENTOS DO GRUPO, ORGANIZANDO-SE NO ESPAÇO E NO TEMPO.- DESPERTAR NAS CRIANÇAS A IMPORTÂNCIA DO CONVÍVIO SOCIAL ENTRE OS MEMBROS DE UM DETERMINADO GRUPO SOCIAL, PERMITINDO QUE REFLITAM SOBRE IMPORTÂNCIA DOS TRABALHOS EM GRUPO, MOSTRANDO COMO É NECESSÁRIA A PARTICIPAÇÃO DE TODOS, QUE CADA UM COLABORE FAZENDO A SUA PARTE, CUMPRINDO E VALORIZANDO AS REGRAS DE CONVIVÊNCIA SOCIAL E RESPEITANDO OS DIREITOS DOS OUTROS. CONHECER E PARTICIPAR DE HISTÓRIAS, BRINCADEIRAS, JOGOS E CANÇÕES QUE CARACTERIZEM O MODO DE VIDA DE SEU GRUPO SOCIAL E DE OUTROS GRUPOS DO PRESENTE E DO PASSADO, IDENTIFICANDO ALGUNS PAPÉIS SOCIAIS EXISTENTES EM SEUS GRUPOS DE CONVÍVIO, MANIFESTANDO OPINIÕES, BUSCANDO INFORMAÇÕES E CONFRONTANDO IDÉIAS. - OBSERVAR A PAISAGEM LOCAL E UTILIZAR-SE DE ALGUMAS FONTES DE INFORMAÇÃO PARA A OBSERVAÇÃO DE MUDANÇAS OCORRIDAS AO LONGO DO TEMPO.- SABER QUE NOSSO PAÍS POSSUI UMA DAS MAIS RICAS FLORESTAS DO MUNDO E A MAIOR BIODIVERSIDADE DO PLANETA.- AJUDAR AS CRIANÇAS A SE TORNAREM CIDADÃOS CONSCIENTES, PREOCUPADOS COM A MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA NO PLANETA, MOSTRANDO QUE AO CUIDARMOS DO MEIO AMBIENTE, ESTAREMOS CONTRIBUINDO PARA MANTERMOS A NOSSA SAÚDE E A SAÚDE DAQUELES QUE NOS CERCAM.- ESTABELECER ALGUMAS RELAÇÕES ENTRE O MEIO AMBIENTE E AS DIFERENTES FORMAS DE VIDA QUE ALI SE ESTABELECEM, RECONHECENDO SUAS CARACTERÍSTICAS E NECESSIDADES VITAIS, VALORIZANDO SUA IMPORTÂNCIA PARA A PRESERVAÇÃO DAS ESPÉCIES E PARA A QUALIDADE DA VIDA HUMANA.

- VALORIZAR AS ATITUDES DE CUIDADOS COM O CORPO RELACIONADOS Á SAÚDE, Á PREVENÇÃO DE ACIDENTES E AO BEM –ESTAR INDIVIDUAL E COLETIVO
- ESTABELECER RELAÇÕES ENTRE OS FENÔMENOS DA NATUREZA E A VIDA HUMANA, LEVANDO OS ALUNOS A REFLETIREM SOBRE O FUNCIONAMENTO DA NATUREZA, SEUS CICLOS E RITMOS DE TEMPO, AMPLIANDO SEUS CONHECIMENTOS, REVENDO E REFORMULANDO AS EXPLICAÇÕES QUE POSSUEM SOBRE ELES.- CONHECER AS RELAÇÕES ENTRE OS SERES HUMANOS E A NATUREZA, E AS FORMAS DE TRANSFORMAÇÃO E UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS QUE AS DIVERSAS CULTURAS DESENVOLVERAM NA RELAÇÃO COM A NATUREZA E QUE RESULTAM, ENTRE OUTRAS COISAS, NOS DIVERSOS OBJETOS DISPONÍVEIS AO GRUPO SOCIAL AO QUAL AS CRIANÇAS PERTENCEM: EX: OBJETOS DE ESCRITA E CONTAGEM, FERRAMENTAS, MÁQUINAS, INSTRUMENTOS MUSICAIS, BRINQUEDOS, APARELHOS ELETRODOMÉSTICOS, CONSTRUÇÕES, MEIOS DE TRANSPORTES OU DE COMUNICAÇÃO.- PROJETOS



Recebi este planejamento da colega Vanilde Fonseca

quinta-feira, janeiro 28, 2010

PARTICIPEM!!!

VISITEM O BLOG BAÚ DE LETRAS E VEJA COMO PARTICIPAR....
.... BJOSSSSSSSSSSSSS

quarta-feira, janeiro 27, 2010

CARNAVAL

PROJETO: CARNAVAL
INTRODUÇÃO

Quando pensamos em Brasil ou no povo brasileiro, quase sempre nos vem a imagem de um povo alegre e dançante. O carnaval é um grande exemplo disso. É uma manifestação popular que ocorre de diferentes formas em várias regiões do Brasil, dependendo do contexto histórico e sociocultural de cada lugar.
Entrelaçando as influências dos negros africanos, indígenas, nativos e europeus colonizadores, a cultura brasileira resultou em uma grande diversidade e riqueza de manifestações.

JUSTIFICATIVA

O Brasil é um país rico culturalmente, porém, o que sabemos dessa cultura limita-se ao que vivemos no dia-a-dia e ao que a TV nos mostra, muitas vezes, informações soltas, imagens que ficam muito distantes de nossa realidade ou de cunho comercial.
Pensando nisso, pretendemos, neste trabalho, propiciar atividades que ampliem o conhecimento das crianças sobre o carnaval no Brasil, levando em consideração suas influências e fazendo um paralelo temporal desde os antigos carnavais até hoje.

OBJETIVOS GERAIS

 Conhecer os aspectos culturais do carnaval que influenciaram na etnia brasileira.
 Reconhecer as manifestações carnavalescas dentro do contexto social.
 Conhecer as marchinhas carnavalescas.
 Conhecer, observar e acompanhar a evolução de gêneros carnavalescos como: música, blocos, fantasias e histórias.
 Estabelecer relação entre passado e moderno.

Procedimentos Metodológicos

 Fazer um baile de carnaval para que as crianças conheçam um pouco sobre essa manifestação popular.
 Levar para a sala de aula os elementos do carnaval através de imagens ou objetos.
 Executar músicas pertinentes ao universo carnavalesco.
 Fazer pinturas faciais nas crianças e disponibilizar diferentes roupas e adereços para que possam usar como fantasias.

ATIVIDADES DESENVOLVIDAS

 Confecção de painel com recortes e fotos carnavalescas.
 Trabalhar músicas carnavalescas
 Confeccionar máscaras carnavalescas com material de sucata.
 Listar as fantasias que as pessoas costumam usar em carnaval.
 Pular carnaval usando roupas e acessórios diversos como fantasia.

CULMINÂNCIA

 Desfile de fantasias.
 Exposição de painéis.
 Baile carnavalesco.
ANEXOS

MAMÃE EU QUERO

(Jararaca-Vicente Paiva - 1937)
Mamãe eu quero, mamãe eu quero
Mamãe eu quero mamar
Dá a chupeta, dá a chupeta
Dá a chupeta pro bebe não chorar
Dorme filhinho do meu coração
Pega a mamadeira
e vem entrar pro meu cordão
Eu tenho uma irmã que se chama Ana
De piscar o olho já ficou sem a pestana
Olho as pequenas mas daquele jeito
Tenho muita pena não ser criança de peito
Eu tenho uma irmã que é fenomenal
Ela é da bossa e o marido é um boçal

ABRE ALAS

(Chiquinha Gonzaga, 1899)
Ó abre alas que eu quero passar
Ó abre alas que eu quero passar
Eu sou da lira não posso negar
Eu sou da lira não posso negar
Ó abre alas que eu quero passar
Ó abre alas que eu quero passar
Rosa de ouro é que vai ganhar
Rosa de ouro é que vai ganhar

AALLAH-LÁ-Ô

(Haroldo Lobo-Nássara, 1940)
Allah-lá-ô, ô ô ô ô ô ô
Mas que calor, ô ô ô ô ô ô
Atravessamos o deserto do Saara
O sol estava quente
Queimou a nossa cara
Viemos do Egito
E muitas vezes
Nós tivemos que rezar
Allah! allah! allah, meu bom allah!
Mande água pra ioiô
Mande água pra iaiá
Allah! meu bom allah

ME DÁ UM DINHEIRO AÍ
(Ivan Ferreira-Homero Ferreira-Glauco Ferreira, 1959)

Ei, você aí!
Me dá um dinheiro aí!
Me dá um dinheiro aí!
Não vai dar?
Não vai dar não?
Você vai ver a grande confusão
Que eu vou fazer bebendo até cair
Me dá me dá me dá, ô!
Me dá um dinheiro aí!

CACHAÇA

Mirabeau Pinheiro-Lúcio de Castro-Heber Lobato, 1953

Você pensa que cachaça é água
Cachaça não é água não
Cachaça vem do alambique
E água vem do ribeirão

Pode me faltar tudo na vida
Arroz feijão e pão
Pode me faltar manteiga
E tudo mais não faz falta não
Pode me faltar o amor
Há, há, há, há!
Isto até acho graça
Só não quero que me falte
A danada da cachaça


CABELEIRA DO ZEZÉ
João Roberto Kelly-Roberto Faissal, 1963

Olha a cabeleira do zezé
Será que ele é
Será que ele é

Será que ele é bossa nova
Será que ele é maomé
Parece que é transviado
Mas isso eu não sei se ele é

Corta o cabelo dele!
Corta o cabelo dele!

AURORA
Mário Lago-Roberto Roberti, 1940

Se você fosse sincera
Ô ô ô ô Aurora
Veja só que bom que era
Ô ô ô ô Aurora

Um lindo apartamento
Com porteiro e elevador
E ar refrigerado
Para os dias de calor
Madame antes do nome
Você teria agora
Ô ô ô ô Aurora

CABELEIRA DO ZEZÉ
João Roberto Kelly-Roberto Faissal, 1963

Olha a cabeleira do Zezé
Será que ele é
Será que ele é

Será que ele é bossa nova
Será que ele é maomé
Parece que é transviado
Mas isso eu não sei se ele é

Corta o cabelo dele!
Corta o cabelo dele


A JARDINEIRA
Benedito Lacerda-Humberto Porto, 1938

Ó jardineira porque estás tão triste
Mas o que foi que te aconteceu
Foi a camélia que caiu do galho
Deu dois suspiros e depois morreu

Vem jardineira vem meu amor
Não fiques triste que este mundo é todo seu
Tu és muito mais bonita
Que a camélia que morreu.

O TEU CABELO NÃO NEGA
Lamartine Babo-Irmãos Valença, 1931

O teu cabelo não nega mulata
Porque és mulata na cor
Mas como a cor não pega mulata
Mulata eu quero o teu amor

Tens um sabor bem do Brasil
Tens a alma cor de anil
Mulata mulatinha meu amor
Fui nomeado teu tenente interventor

Quem te inventou meu pancadão
Teve uma consagração
A lua te invejando faz careta
Porque mulata tu não és deste planeta

Quando meu bem vieste à terra
Portugal declarou guerra
A concorrência então foi colossal
Vasco da gama contra o batalhão naval

SACA-ROLHA
Zé da Zilda-Zilda do Zé-Waldir Machado, 1953)

As águas vão rolar
Garrafa cheia eu não quero ver sobrar
Eu passo mão na saca, saca, saca rolha
E bebo até me afogar
Deixa as águas rolar

Se a polícia por isso me prender
Mas na última hora me soltar
Eu pego o saca, saca, saca rolha
Ninguém me agarra ninguém me agarra.

Este projeto foi formulado por minha colega: SONIA REGINA UBEDA

ADOREI ESSA ATIVIDADE!!



ADOREI ESTA ATIVIDADE .... COM ESSES CIRCULOS PODEM SER CRIADOS AS MAIS DIFERENTES FIGURAS, COMO TEM AQUI NO EXEMPLO , A ÁRVORE E O PATINHO ....
ESSA ATIVIDADE AJUDA A DESENVOLVER A CRIATIVIDADE E A COORDENAÇÃO ,MOTORA.
ESPERO QUE GOSTEM!!!
CLARA LIBE!!

PLANEJAMENTO PARA O 3º ANO / 2ª SÉRIE

3° ANO DO ENSINO DE NOVE ANOS


Disciplina – Língua Portuguesa

Objetivos

. Ler, escrever, escutar e falar;
Dar continuidade ao processo de alfabetização escolar;
Possibilitar ao aluno condições de progredir em relação à linguagem e escrita para resolver situações de seu cotidiano. Ter acesso à cultura como forma de participação para o mundo letrado.

Objetivos Específicos

Os alunos deverão produzir os mais diversos tipos de textos contendo dramas e soluções;
Expressar-se oralmente e fisicamente por meio de dramatizações;
Desenvolver a escrita e reescrita de textos com coerência fazendo uso de paragrafação e ortografia adequadas a sua aprendizagem e competência;

O aluno deverá ser capaz de:

Conhecer e utilizar os mais diferentes tipos de textos;
Entender a escrita e a leitura como fonte de informação e socialização;
Aprimorar suas habilidades lingüísticas básicas: falar, escutar, ler e escrever.

Conteúdo

Leitura diversificada dos mais diferentes tipos de textos;
Escrita e reescrita de textos diferenciados;
Estruturação de palavras, frases e textos;
Noção de tempo: passado, presente e futuro;
Gramática contextualizada;

Desenvolvimento Metodológico

Todo e qualquer tipo de atividade que leve o aluno a pensar, assimilar, fixar, entender e participar das atividades, sempre se levando em conta sua faixa etária e sua capacidade de entendimento.

Justificativa da disciplina

O ensino da Língua Portuguesa é meio para que o aluno aprimore seu nível de linguagem e entendimento dentro de uma sociedade, incentivando a um processo de aprendizagem contínuo, consciente e reflexivo.


Avaliação

Será continua por meio de observação e interferência, possibilitando uma reavaliação do professor e progressos dos alunos, respeitando suas possibilidades e limitações.




Disciplina: Matemática

Objetivos


• Proporcionar ao aluno a capacidade de analisar, relacionar, comparar, classificar, ordenar, avaliar e abstrair;
Relacionar a Matemática com o cotidiano e as demais áreas de conhecimento;
Ampliar as habilidades de cálculos, leitura de tabelas e gráficos, interpretar a simbologia e a terminologia matemática.

Objetivos Específicos

• Ler, escrever e compreender a importância do sistema de numeração;
Resolver desafios propostos envolvendo situações práticas associando as quatro operações;
Compreender o sistema monetário brasileiro, distinguir cédulas e moedas por meio de atividades cotidianas em casos de compra e venda, lucro e prejuízo;
Compreender tabelas e gráficos;

Conteúdo

• Sistema de numeração decimal;
Adição, subtração, multiplicação e divisão;
Dobro, triplo, quádruplo e quíntuplo;
Sistema monetário
Situações problemas envolvendo as quatro operações e o sistema monetário;

Desenvolvimento Metodológico

• Sistema de numeração decimal;
Leitura e escrita de um número;
As quatro operações envolvendo os números naturais;
Antecessor e sucessor de um número;
Calcular dobro, triplo, quádruplo e quíntuplo de uma quantidade;
Interpretar tabelas e gráficos;

Justificativa da Disciplina

O ensino da Matemática tem por finalidade:

• contribuir para a construção da cidadania;

Avaliação

Contínua e sistemática, considerando o interesse, a capacidade, a curiosidade e o desempenho do aluno em atividades práticas e relatos de sua vida.
Disciplina História

Objetivos

•Sua identidade e origem na história;
Reconhecer e valorizar as diferentes culturas percebendo a formação de um País;
Compreender a Migração e Imigração dentro de um País;
Participe dos mais diferentes tipos de comemorações dentro da Comunidade Escolar;
Reconheça os símbolos cívicos e a importância deles na sociedade;

Objetivos Específicos

• Perceber-se como parte integrante da história e da comunidade num todo;
Registrar informações pessoais;
Reconhecer a formação de um País com a colaboração das diferentes culturas;
Compreender as datas comemorativas e/ou cívicas como cultura de um País;

Conteúdo

• Identidade:
- Quem é você?
- História de sua vida (linha do tempo)
Fatos importantes dos deslocamentos populacionais no Brasil;
História dos primeiros habitantes;
Construção da América;
Calendário e suas datas comemorativas;

Desenvolvimento Metodológico

• Proporcionar condições que leve o aluno a compreender a importância da história vivida como sujeito do processo histórico;
Possibilitar ao aluno por meio do estudo da História sua formação critica e participativa na transformação do mundo em que vive.


Justificativa da disciplina

• Permitir ao aluno condições para rever pré-conceitos elaborando hipóteses e procedimentos para novos valores dentro da sociedade, exercer sua cidadania, expor idéias e pensamentos e situar-se em relação ao tempo histórico.

Avaliação

• Contínua, diagnóstica, formativa e somatória por meio de:
- Trabalhos escritos e orais;
- Criatividade e desembaraço nas mais diferentes formas de expressão;
- Responsabilidade, interesse, curiosidade e criticas buscando novos conhecimentos.





Disciplina Geografia

Objetivos

• Integrar a criança no meio em que vive, como ser social atuante, capaz de modifica-lo;
Desenvolver o espírito crítico com uma formação voltada para a compreensão e transformação da realidade, visando a formação do cidadão;
Ampliar o nível de compreensão do aluno para que ele perceba que não vive isolado e que é parte integrante de uma sociedade;

Objetivos específicos

• Conhecer o Município – lugares e sociedade;
Identificar os limites e governo do Município;
Reconhecer os espaços geográficos e as atividades econômicas do Município;

Conteúdo

• Cartografia;
Informações gerais sobre o Estado de São Paulo;
Os vizinhos do Município de São Paulo;
As paisagens do Município de São Paulo: Relevo e Vegetação;
A água do Município: poluição, utilização e origem;
As principais atividades econômicas do Município;

Desenvolvimento Metodológico

• Estudo do mapa do Brasil observando o Estado e |Município de São Paulo;
• Localização dos vizinhos do município de São Paulo, partindo da localização de seu próprio bairro;
• Discussão sobre a poluição dos córregos que fazem a vizinhança de suas casas e escola;
• Ampliar os conhecimentos para os atuais problemas ecológicos da região onde o aluno se encontra inserido como cidadão;

Justificativa da disciplina

• O ensino da Geografia tem como objetivo levar o aluno a desenvolver sua capacidade de pensar criticamente, observar e analisar o espaço geográfico que se encontra inserido.

Avaliação

• Contínua e sistemática, com respostas livres e pessoais possibilitando ao aluno um desempenho crescente e reflexivo.

Disciplina Ciências

Objetivos

• Tem como objetivos levar o aluno a construir e compreender o ambiente, a dinâmica da vida e os fenômenos naturais para melhorar suas condições de vida.

Objetivos Específicos

•Água como fonte de vida, sua importância, tratamento, ciclo e estados físicos;
Ar sua importância e prejuízos da poluição;
Compreender qual a função da planta na purificação do ar, planta como alimento e preservação da flora dentro de uma sociedade;
Identificar dentro da fauna brasileira vertebrada e invertebrada, cadeia alimentar, reprodução da espécie e sua classificação;
Entender e assimilar a importância da higiene para o bem estar de todos;

Conteúdo

• Higiene e Saúde;
• Universo;
• Água:
- Estados físicos;
- Ciclo da água na natureza;
•Ar:
- Poluição do ar;
- Temperatura e umidade do ar;

•Plantas:
- Como são as plantas;
- Partes de uma planta;
- Necessidades de uma planta;
- Respiração e transpiração;
- Nutrição e reprodução;
• Animais:
- Como são e como se alimentam;
- Classificação;
- Animais úteis e prejudiciais ao homem;
- Reprodução dos seres vivos;


Desenvolvimento Metodológico

• Desenhos
Elaboração de relatórios
Observação de fatos concretos
Discussões em grupo a partir de leituras.

Justificativa da disciplina

Propor ao aluno uma ampliação de conhecimentos sobre as interações do meio físico e o homem, investigando problemas e buscando soluções para uma melhor qualidade de vida e preservação das espécies.

Avaliação

A avaliação será constituída por situações práticas, vivenciadas no cotidiano da comunidade, buscando sempre um resultado favorável e que leve o aluno à reflexão e mudança de postura.



RECEBI ESTE PLANEJAMENTO POR EMAIL.... DE NANCY BORGES